O PREÇO DO CONVERSOR (Set-top box)

Afinal custa R$200,00 ou R$700,00?

Como pode haver tanta confusão sobre isso? 

O governo estimou em R$200,00 mas a indústria afirma que menos de R$700,00 é impossível!!! Como pode tamanha disparidade?

Ou o governo cometeu um engano de estimativa ou a indústria está querendo ganhar demais. Três vezes mais!!! 

O governo deveria explicar à população sobre isso. Se cometeu um engano na estimativa deve corrigi-la. Mas se a indústria está extremamente gulosa, caberá ao governo coibir tal intenção, abrindo a importação (sem imposto de importação) para que a população não sofra com enganos ou ganâncias.

6 opiniões sobre “O PREÇO DO CONVERSOR (Set-top box)”

  1. Concordo plenamente. Parece que já começou a difusão, e alguns (com dinheiro é claro) serão os soldados de frente. Pois nem sabemos direito o que adquirir e se toda a infraestrutura está preparada para tal (MPEG2/ MPEG4, etc etc.) Só começo a utilizar quando esse negócio vier a ser estável! Não tenho dinheiro pra bancar o que ainda não está realmente pronto.

  2. isso não será problema , pois oque tem de gente trazendo muamba do paraguai pra cá não
    ta escrito, ja conheço gente que ta trazendo um set top box do paraguai por 150,00 nessa hora , pode ser um opção …

  3. Luciana,
    Voce está corretíssima. A confusão é muita.

    Acho que as emissoras tem grande responsabilidade neste estágio. Não que ela esteja fazendo confusão, mas por estar permitindo,
    As emissoras deveriam orientar melhor e acabar com a desinformação.
    Abs,
    Kauffmann

  4. Caro Pedro,
    Obrigado pelos seus comentários e desculpe na demora em reponder sua importantíssima pergunta.
    A questão é antiga e controvertida, pois atinge os Direitos Autorais e a proteção contra pirataria.
    A questão já existia na TV analógia mas a tecnologia de então não oferecia solução e aí ficamos acostumados a gravar e copiar o conteudo da TV e em alguns casos a distribuir.
    Agora a programação é codificada, com possibilidade de impedir a copia e distribuição.

    A minha opiniao é deve ser permitido a gravação dentro do set-op ou do TV para reprodução posterior. Porem devemos respeitar que o conteudo pertence ou é de responsabilidade de uso exclusivo da emissora de TV e não nos pertence.

    Abs,

    Kauffmann

  5. Pedro,
    Tambem acho.
    Somente a informação pode curar a esperteza. Ambas, a esperteza e a falta de educação (conhecimento) são as maiores doenças nacionais.
    As emissoras podereiam e deveriam contribuir para a correção
    Abs
    Kauffmann

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s