Cadê o Luminotécnico?

5600K x 3200K

Na iluminação, assim como na pintura, existem dois lados, duas competências: a arte e a técnica.

Já há algum tempo que o luminotécnico vem desaparecendo do nosso meio, porem, o surgimento da  direção de fotografia na televisão acabou totalmente com o  equilíbrio das duas funções. O resultado é a predominância da preocupação estética em detrimento das questões técnico-científicas.

Como conversar com um diretor de fotografia questões como a física da luz? Como falar sobre diagrama espectral de sensibilidade dos sensores das câmeras? Das vantagens de fidelidade de cor de determinados tipos de luz? Como fazer ensaios para comparar relação sinal-ruído com diversas temperaturas de cor. Pode até existir diretores de fotografia sensíveis e interessados nestes temas, mas não é muito comum. Esse tipo de informação são mais interessantes à engenheiros e técnicos.

Qual a temperatura de cor que resultará numa melhor relação sinal-ruído, numa determinada câmera ou num determinado sensor?

Luz de 3200K com a extrema predominância de vermelho e com menos de 10% de azul pode resultar numa melhor imagem? Deve ser ainda, considerada uma referência?

Como avaliar tecnicamente uma luminária? Como especificar corretamente esse tipo de equipamento? Como comparar com segurança produtos de iluminação de diversos fabricantes.

Como criar protocolos de teste e de avaliação para homologação de equipamentos e produtos de iluminação? Quais medidores devem ser utilizados? Luxímetros, colorímetros, medidores de ângulo de iluminamento, espectrógrafos e etc, quem irá utilizá-los? O  diretor de  fotografia, o luminotécnico ou será que isso tudo seria relevante?

Será que todas essas questões não deveriam ser respondidas com a segurança natural do conhecimento científico?

Na nossa opinião, sem as respostas com o rigor científico a predominância será da forma e as marcas e jamais dos produtos de qualidade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s