Arquivo da categoria: Baterias

BATERIAS AA
Alcalinas x NiMeH x Li-Ion

As Baterias AA da Energia Custam até 220 Vezes Menos e
Poluem 1000 Vezes Menos que as Alcalinas

Baterias Alcalinas
• ciclo único – usou joga no lixo
• capacidade de energia de 790mWh @ 500mA
• voltagem variavel com a descarga, veja a curva amarela, nominal de 1.5V
• derretem, vazam eletrolitico que corroe e danificam os equipamentos

Baterias de Hidreto Metálico
• 300 ciclos
• capacidade de energia de 750mWh @ 500mA
• voltagem variável com a descarga, veja curva verde, nominal de 1.2V
• auto descarga acentuada

Baterias de Íon de Lítio
• 1000 ciclos
• capacidade de energia de 1750mWh independe da corrente. Corrente máxima de 1000 mA
• regulador interno DC-DC, tensão de 1.5V constante durante todo o tempo de uso,veja curva vermelha. Muito mais energia (P=VxI) se comparado com todas as demais baterias
• autodescarga desprezível de apenas 3%/mês.

 DurabilidadeEnergia Total Preço Final por Ciclo
Duracell Ultra Power 1 ciclo0.78WhUS$1.270
NiMeH300 ciclos0.75WhUS$0.049
Energia Li-Ion (1.5V)1000 ciclos1.75WhUS$0.005
A Bateria AA-1750 da Energia custa 14 vezes menos que as baterias de NiMeH.
A Bateria AA-1750 da Energia custa 220 vezes menos que as baterias alcalinas

Jornalismo não é brincadeira, é pauleira pura

Vem ocorrendo uma sequencia, fruto de um ciclo virtuoso, que começa com o aumento de qualidade dos padrões de videos, HD, Full HD, 4K, 8K, etc, seguido pelo aumento de qualidade da câmeras, com aumento de processamento, aumento no consumo de energia das câmeras e a consequente melhoria das baterias, com aumento de capacidade de corrente e com o aumento da capacidade armazenamento de energia das baterias, saltando de 100 Wh para 150 Wh, 200 Wh e agora para 300 Wh, lançadas pela Energia a um ano atrás, no inicio de 2019.

E aí surgem 2 problemas: as autoridades de transportes que continuam travadas no passado, com o limite de 100 Wh e os carregadores antigos, ainda em utilização em muitas emissoras e produtoras, limitados em 2Ah, podendo demorar até 24 horas para recarregar uma bateria de 300Wh. Um dia produz e o outro carrega???

O segundo problema é fácil de resolver – A Energia lançou 2 tipos da carregadores: o modelo desktop TC-2, com 6Ah capaz de carregar 2 baterias de 300Wh em apenas 8 horas e o super carregador portátil TC-LJ com 8Ah de capacidade, carrega uma bateria de 300Wh em apenas 3 horas.

As novas baterias de 300Wh da Energia, alem de atender as demandas por mais energia (tempo de operação) e também a demanda por mais corrente suportando até 15A de corrente de operação, as novas baterias EP-L300 têm o menor custo Wh/US$.

PRÉ-LANÇAMENTOS DA ENERGIA 2020

A Energia lançará várias novidades sobre sua Linha de Produtos para 2020.

Algumas dessas novidades serão antecipadas a partir das Feiras da SET em São Paulo, da BIRTV em Beijing e da IBC em Amsterdam.

TC-LJ – Carregador Super Rápido

Enfim um carregador para quem não tem tempo a perder!

Trata-se de um carregador portátil com 8A de capacidade, isso significa 4 vezes mais potente que os carregadores comuns. Os tempos de Carga serão reduzidos extremamente.

POCKELITE F7

É uma luminária que todos os diretores de fotografia e cinegrafistas iram desejar ter no bolso da jaqueta.

É uma luminária tipo On-Camera, RGBW com mais de 16 milhões de cores e geradora de efeitos, capaz de simular as luzes de veículos de emergência (polícia, ambulância e bombeiros) e inúmeros outros efeitos.

Acordeon

Luminária com lente Fresnel de cristal e superpotente, 10.340 lux@3m@180 (equivalente mais de 4KW de tungstênio com filtro daylight).

Possibilidade de ajustes de intensidade (dimmer) e de foco por DMX.

Luz de alta qualidades com TLCI acima de 98%.

Alimentação por AC ou por baterias tipo V-Mount ou Golden Mount.

NOVAS BATERIAS

A Energia lança uma nova linha de baterias com preços abaixo do praticado no mercado e com novas funcionalidades.

As novas baterias usam as mais modernas células de Íon de Lítio que resulta num aumento de energia porem com uma grande redução de preços.

Todas as baterias desta série trazem também conectores complementares tipo USB e D-Tap que permitem a utilização das baterias para alimentar outros dispositivos como luminárias, celulares, tabletes, etc.

Energia 2018

Energia 2018 é a nova linha de produtos da Energia. Apresenta diversidade, qualidade e preço. É inovação no mais puro conceito de Estocolmo, onde não basta o desenvolvimento tecnológico mas, também a ampliação do acesso aos produtos por preços melhores.

Destacamos alguns produtos tais como:

EP-L300 – Bateria com 300Wh e apenas US$1.14/Wh. Tem o melhor custo-benefício no mesmo volume e com o mesmo peso das baterias de 210Wh.

LED Machine – Este super Fresnel tem 110.000 lux@1m, equivalente à 10 KW de tungstênio corrigido para 5600K.

LP-576 – Painel Multicolor com o melhor custo e TLCI acima de 95%, tem 4000 lux@1m.

LPS-400 – Painel Supersoft, Multicolor com 2000 lux@1m, porem com 120 graus de iluminamento e com TLCI de 97%.

LPS-RGBW – Novo painel RGB – Em Breve!

Linha 2016 Energia vai dar o que falar….

LINHA 2016

A Energia inova mais uma vez. Sua  linha de produtos 2016 conta com novidades em transmissão,  baterias e iluminação.

Veja os detalhes:

Nova bateriaBATERIA ACOPLÁVEL

Baterias com a tecnologia que vocês já conhecem, mas, agora, com um design diferente permitindo um engate a outra bateria, aumentando sua autonomia. Ela conta, também com um display LCD que mostra as informações da bateria.

 

POWER EDGE

Um dispositivo que permite que você acople 4 baterias BPLs transformando-o numa única fonte de energia com capacidade de 760Wh. Você poderá alimentar seu equipamento através da saída dupla XLR 4 pinos de 14.4V, ou simultaneamente utilizar a saída 14.4V com a 28V de 3 pinos.

O Power Edge também funciona como carregador, carregando a unidade em, apenas,  3h via AC 100-240V.
O painel LCD multifuncional fornece dados cumulativos sobre as baterias enquanto estiver carregando.
poweredge

TRANSMISSOR WIRELESS PORTÁTIL

As transmissões de esporte não serão mais as mesmas. Um transmissor super portátil, com transmissão em tempo real, compatível com sua action camera. Também terá disponível acessórios como Intercom e CCU.

transmissor

COB On-camera 

A primeira luminária on camera com COB e com um CRI de luminária de estúdio.

sungun

Aproveite para saber mais sobre os novos produtos na feira SET EXPO 2015. A Energia está no estande 167!

De 25 à 27 de agosto no pavilhão vermelho Expo Center Norte

 

Custo – Benefício

Benefício – Custo

Reparem que o título não é Custo X Benefício porque no entender da Energia, e da Trevisans isso deve ser um binômio, uma questão una e não um antagonismo, porem, com a liderança do Beneficio.

Não se pode antepor o custo sobre o benefício. Pelo contrário, os benefícios tem que ser o norte, tem que se sobrepor ao custo. Como por exemplo: “desejo ir passar férias em Nova Iorque”. Esse é o benefício, esse é o objetivo. O custo entra apenas para analisar a maneira mais econômica de realizar o meu objetivo “Passar Férias em Nova Iorque”.

O custo não pode determinar que eu passasse férias em Nova Iguaçu porque é mais barato.

Se isso acontecer eu estarei alterando o meu objetivo em função do custo. Será uma inversão de valores além de umas férias desastrosas.

Acreditamos que temos que procurar melhorar e melhorar eternamente, se possível com o melhor custo.

Preocupa-nos muito a visão atual onde existe uma “ditadura” do custo.

Percebemos que existe uma tendência pelo “preço, preço, preço”, não importa o objetivo desde que seja barato. Não importa mais se é bom ou se é seguro, desde que seja barato.

Isso lembra a estória do foguete de concreto. Precisava-se fazer um foguete para ir ao espaço e voltar. Teria que ser resistente para resistir à aceleração extrema do lançamento e teria que ser capaz de aguentar as altas temperaturas da reentrada na atmosfera. Mas teria que ser barato.

A primeira providência foi demitir os engenheiros porque só inventavam soluções muito caras e em seguida contrataram economistas.

Resultado: Jamais decolou! Era um foguete de concreto.

Mas os economistas explicaram orgulhosos: “voar não voa, mas pesa pra …”.

A substituição de talentos humanos pelo custo, a substituição da qualidade por custo, a substituição da confiabilidade e da segurança por custo irá resultar numa inevitável degradação.

O problema é que justificar a opção pela qualidade, demanda conhecimento, pesquisa científica, em suma, dá muito trabalho!

Ao passo que a opção pelo mais barato é muito simples e inicialmente elogiável e às vezes gera até uma promoção.

Mas felizmente ou infelizmente, verifica-se que esta opção não é duradoura, pois é óbvio que o barato sai caro. E aí aquele profissional que não quis trabalhar para justificar a opção pelo melhor acaba perdendo o emprego. Os mocinhos sempre vencem!

O que estamos observando é que está muito difícil vender qualidade, tem muita gente boa desistindo e começando a fabricar preço.

Se os responsáveis técnicos (ou os culpados técnicos) não assumirem o seu papel veremos em curto prazo a degradação da Televisão Brasileira. Assim como na análise Beneficio-Custo, o beneficio é que deve ditar o rumo, nas Emissoras de Televisão, a engenharia tem que se impor aos “economistas” de plantão.

Porém, acreditamos que existem profissionais corajosos e determinados na sua missão. Como é o caso do eng. Jair Ventura, da TV Jornal do Comercio, que afirma que na TV Jornal só entra baterias da Energia, pois está cansado de perder matérias e até bons cinegrafistas por causa de baterias mais baratas.

141106 - Bateria Energia na Rede Amazonica

Cito também o trabalho realizado pela equipe da Rede Amazônica, coordenado pelo eng. Henrique Camargo, que fez uma tabulação contendo informações operacionais de todas as unidades da Rede Amazônica. Além das especificações de cada fabricante. O resultado foi a escolha da Energia.

As crises são vencidas com talento!

Ricardo F. Kauffmann

http://www.energia.tv